Escola é pichada com diversos palavrões

Funcionários da Escola Estadual Abílio Caixeta, em Patos de Minas, foram surpreendidos na manhã desta segunda-feira (10), com várias pichações feitas nas paredes da instituição de ensino, contendo palavras de baixo calão. Apesar do vandalismo não foram verificados danos ou furtos de objetos.

Por volta das 5h30, quando as responsáveis pelos serviços gerais chegaram na escola, elas se depararam com as diversas pichações, que estavam em várias paredes da parte interna, além do palco, na área do refeitório e até no orelhão. As inscrições compostas por palavrões e fazendo referência a greve dos trabalhadores da educação e também a organização criminosa PCC, foram encobertas com papeis pela direção da escola para evitar que os alunos fossem expostos.

A escola tem 1.050 do 1º ano do ensino fundamental, até o 3º ano do ensino médio. A Diretora Orosina Madalena Braga, disse que acionou a Polícia Militar para o registro do boletim de ocorrências. Ainda e acordo com a diretora, não houve arrombamento, ou furto de objetos na escola. A Perícia da Polícia Civil esteve no local e recolheu informações que possam levar aos autores do vandalismo.

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on LinkedIn0Print this page

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *