Após escândalo envolvendo Temer, bolsa despenca e dólar sobe

Um dia após a Lava Jato atingir em cheio o presidente Michel Temer (PMDB), a B3 (antiga Bovespa) abriu em queda. Nesta quinta-feira (18), logo no início do pregão, às 10h20, o Ibovespa caía 10,47%.

O dólar subia 8,5%, vendido a R$ 3,40. Já o euro, disparou e subia 8,82%, cotado a R$ 3,81.

Como a queda superou 10% em relação ao dia anterior, a bolsa paralisou as atividades por meia hora para que o mercado se acalmasse.

De acordo com as regras do mecanismo, se o Ibovespa recuar 10% ante o fechamento do véspera, a bolsa interrompe a sessão por 30 minutos. Na volta, se a queda atingir 15% ante o encerramento do dia anterior, os negócios são suspensos por 1 hora.

 Ainda de acordo com informações da B3, caso a variação do Ibovespa atinja uma oscilação negativa de 20 por cento ante o fechamento anterior quando forem reabertos os negócios, a bolsa pode determinar a suspensão do negócios por prazo definido a seu critério.

As ações da JBS, que já haviam caído 12% em dois dias, caíam 14,74% no início do pregão.

Share on Facebook0Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on LinkedIn0Print this page